comunicado

 acabei de abrir o twitter pra fugir de mim. quando me saltou um pensamento capaz de cortar os males pela raiz, fugi pro pássarinho azul. consumi umas besteiras, que me acalmaram, mas não retiraram de mim a nascente do rio que precisa seguir seu fluxo e acabar com as secas. fechei o twitter e cá estou, confrontando e sustentando.

1 (um) insight de que estou buscando paz, estou buscando quietude e não param os convites, as dívidas, as requisições. eu quero organizar. eu quero parar. e as pessoas parecem que estão contra isso. e a favor delas. quero vê-las. sauda-las, presentea-las. mas. não. agora. o ano novo começa, e criar metas é bonito, esperado, mas muito fácil de cair num campo ritualistico e não progredir pra'lém disso. quero por em prática. reavaliar o que estabeleci e quais seriam os caminhos, se os que eu to tomando estão me fazendo ir, ou dar voltas. não estou conseguindo fazer isso com esse tanto de obstáculos no caminho. se você me ama, me espere.


Céu, uma vez disse:

Saiba meu amor
Cuidarei de nós
Mesmo quando eu for
Em busca de mim
Em busca do que faz você me amar


e não, não quero ter o sentimento de que estou perdendo vocês ou de que vocês estão me perdendo. estamos todos fermentando, a cada respirar de oxigênio. o que nos mata, também nos deixa mais forte. logo logo, eu estarei aí. cremoso e gelado. como um bom copo de iogurte.











Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Companhia

AMIGDALITE

amo os meios